.... SABER COMER E SABER BEBER ............................... Bom serviço na restauração

História da Hotelaria

 

           A hotelaria é composta por um conjunto muito vasto e diversificado de contactos com os clientes, constituindo uma das mais antigas actividades humanas.

           Tem por objectivo a prestação de serviços que correspondam á satisfação das necessidades mais elementares do homem -abrigo e alimentação, alem de outras.

           Com o decorrer e evolução dos tempos, os homens começaram a viajar para realizar os seus negócios e como os transportes da época eram relativamente lentos obrigava-os a uma necessidade de alojamento e logo de se alimentarem com mais frequência.

           Segundo dados históricos, as primeiras hospedarias apareceram no séc.IV antes de Cristo, onde sob o título da “casa que recebe a todos”, eram recebidos como hóspedes, os comerciantes, peregrinos religiosos, homens de estado e ainda mendigos.

           Na sua origem e durante séculos, as hospedarias estiveram estreitamente ligadas aos circuitos de transporte, de que são exemplo flagrante as primitivas estalagens, onde nos tempos das diligências, se processavam as mudas, tratamento e repouso dos cavalos, bem como o abrigo, alimentação e descanso dos seus donos.

           A hospitalidade nasceu por força das necessidades humanas atrás das descritas, nomeadamente para os comerciantes, terem de trocar os seus produtos disponíveis, por outros necessários ou por moeda e porque devido á falta de estradas e transportes velozes não podiam regressar às suas residências tão rapidamente.

           As hospedarias ou estalagem nesse tempo eram exploradas por uma pessoa ou por casais (denominados estalajadeiros), auxiliados por familiares e dispunham para a pernoita de alguns quartos individuais ou duplos e geralmente de uma espécie de camarata para funcionar como alojamento colectivo.

           A alimentação normalmente era confeccionada pela dona da casa e era comum a todos.

           Por falta de ocupação dos tempos livres, predominavam os jogos de cartas, que na maioria dos casos originavam desentendimentos e desordens.

           Com a descoberta da máquina a vapor, seguida do motor de explosão, os sistemas de transporte sofreram uma transformação radical e o transporte animal quase deixou de ser utilizado, pelo que as instalações dedicadas aos animais foram desaparecendo também, salvo casos excepcionais dos modernos hipohóteis.

           Como consequência foram aparecendo os hotéis e hospedarias Términus, instalados em zonas de fim de linha e em zonas portuárias onde se ia verificando a presença dos barcos a vapor transportando carga e passageiros.

           Com o aparecimento do comboio, do navio, do automóvel e por fim do avião, verificou-se uma autêntica revolução nos meios de transporte, que se manifestou na procura e escolha de serviços, obrigando aqueles que nada se tinham preocupado com a qualidade dos mesmos a melhorá-la por todos ao meios ao seu dispor.

           Portanto apareceu por assim dizer, uma nova era na ARTE DE BEM SERVIR, que tem vindo a evoluir até aos nossos tempos.

           Já no século XIX, com o aparecimento do comboio, assinalam-se os primeiros movimentos turísticos, havendo obras que se referem a “Thomas Cook” como o primeiro operador turístico ainda na primeira metade do século.

           As viagens de recreio, as estadias termais, as férias nas praias, as curas de repouso e o desporto de montanha, foram outras razões para que a concorrência se fizesse notar, fazendo evoluir favoravelmente a arte de receber até á hotelaria actual.

           Foi a partir da década de 1950-60 e na sequência das várias transformações sociais, por efeito d segunda guerra mundial, que se verificou a maior transformação na hotelaria, influenciada primeiramente pelo aparecimento do avião a jacto que proporciona uma rápida e fácil deslocação.

           Os hotéis foram crescendo em número e em capacidade, até se chegar á geração dos hotéis de mil e mais camas, que têm tudo a ver com aparecimento dos “Jumbos”, que de uma só vez transportam um grande número de pessoas.

           Hoteis, Motéis, Aldeamentos, Restaurantes, Snacks, Boites, Cafés, Pastelarias, etc

constituem a base da indústria denominada hoteleira e da qual tanta gente depende.

 

 

Contatos

Raul Manuel Valente

raulmvalente@gmail.com

Vila Real Santo António

Portugal

+351.963700439

Procurar no site

Contacte-nos

Amigo(a)

    Caso queira ajudar nos custos da manutenção e desenvolvimento do site, pode participar com uma pequena contribuição (1€).

 

Produtos

Produto #1

Esta é a descrição do produto. Você pode modificá-la como quiser ou remover o registo do produto por inteiro.

Produto #2

Este é o exemplo do segundo produto.

Raul valente.pt

Desenvolvido por Webnode